terça-feira, 29 de setembro de 2009

Tragédia com Vinho

Em Portugal saiu a notícia que três pessoas faleceram intoxicadas quando produziam seu vinho em 28 de setembro deste ano.
O casal Ângelo Rosado, 74 anos, e a mulher Isilda de Jesus, 72 mais o amigo Fernando Carvalho, 61 anos faziam o seu tradicional vinho em uma vinícola pouco arejada, nos arredores de Coimbra.
O acidente provavelmente aconteceu supondo-se que um deles estaria prensando o bagaço resultante depois da fermentação do vinho dentro do respectivo tanque , teria desmaiado e caído no local. O amigo tentou salvá-lo mas também desmaiou, por fim a senhora também tentou salvar os dois mas teve o mesmo triste fim, todos vítimas da inalação do dióxido de carbono e de falta de oxigênio.

Isso me faz lembrar de que meu pai também produzia vinho em sua casa na República Tcheca e dizia que ao fazer o vinho embaixo de sua casa para saber se podiam descer após a fermentação, ele desciam uma vela acesa, se ela se apagasse ainda havia o perigo do gás mortal, se permanecesse acesa era hora de descer e engarrafar.

No caso das pessoas acima, havia pouco arejamento na área, e trabalhar sem proteção nesses locais se torna muito perigoso.


Triste notícia mas esse fato as vezes pode acontecer com produtores experientes.


Eduardo Tlach

VINHO AO SEU ALCANCE

quarta-feira, 23 de setembro de 2009


PORQUÊ OS CONSUMIDORES BRASILEIROS COMPRAM VINHOS PELA INTERNET

O maior portal de vendas de vinho da internet brasileira cria novos filtros para facilitar ainda mais a experiência de compra do cliente;

• Novidades são baseadas em pesquisas que traçam o perfil do consumidor de vinhos brasileiro.
A Wine (www.wine.com.br) , líder no comércio eletrônico de vinhos na internet brasileira, introduziu uma série de novos filtros em seu portal de compras. O objetivo é auxiliar os clientes na decisão de compra, tornando a experiência de escolher vinhos no portal ainda mais agradável. As mudanças no site originaram novas áreas de busca. Agora, os clientes da Wine também podem optar por escolher seus vinhos pelos filtros "tipo de uva”, "boas compras” (bons vinhos por até R$ 40) e "rótulos pontuados”, além de ainda poderem contar com os filtros pré-existentes "tipos de vinho”, "países” e "faixas preço”.
As novidades foram baseadas em pesquisas que determinam os fatores motivadores de compra de vinhos pelos consumidores brasileiros.Uma das pesquisas que embasaram as mudanças foi a Wine Intelligence Brazil Vinitrac, referente a 2008 e divulgada em Maio de 2009.
Segundo o levantamento, as principais motivações de compra de vinho dos brasileiros são promoções especiais e degustação prévia de determinado rótulo. Segundo esta mesma pesquisa, há algumas peculiaridades entre os consumidores cariocas e paulistanos. A região e país de onde o vinho é proveniente, e o tipo da uva, influenciam mais a decisão de consumidores da capital fluminense do que a dos da capital paulista. Já os apreciadores de vinho de São Paulo são mais motivados pela indicação de familiares e amigos do que os consumidores cariocas. Seguindo a direção apontada pelas pesquisas, a Wine traz sempre promoções especiais a seus clientes, como foi o caso da promoção da WineBox com seis garrafas de Casillero Del Diablo Cabernet Sauvignon 2008 por R$ 150,00, que bateu recorde de vendas na internet brasileira, com cerca de 15 mil garrafas vendidas em 30 dias."
A Wine é completamente dedicada ao consumidor brasileiro de vinhos. Por isso, estamos sempre buscando melhorar a navegabilidade do site para se adequar ao perfil de nossos consumidores”, afirma Anselmo Endlich, diretor de Marketing e TI da Wine. "
A Wine também conta com a seleção de vinhos do Sommelier Wine, Manuel Luz, que além de criar seleções especiais sazonais no site, traz também dicas de harmonização com diversos tipos de pratos. Tudo isso para otimizar ao máximo a escolha de nossos clientes”.
Diferenciais Wine
A Wine é uma loja virtual multimarcas.
Oferece grande variedade de vinhos finos, com mais de 1.500 rótulos fornecidos por 20 importadoras das melhores marcas de vinhos provenientes das principais regiões vinícolas do mundo (Portugueses, Espanhóis, Chilenos, Franceses, Italianos, Uruguaios, Sul–Africanos, Alemães, Argentinos, Australianos, Neo-Zelandeses e Marroquinos).
Todos os clientes da Wine recebem suas compras na WineBox, caixa especialmente desenvolvida para o transporte de vinhos e homologada para transporte aéreo.
A WineBox tem design exclusivo em três tamanhos, que acondicionam duas, quatro e seis garrafas.
Independentemente da quantidade solicitada, a Wine cobra um único valor para entregar os vinhos (R$ 20,00), sendo a menor taxa de entrega do mercado.
O consumidor tem uma série de vantagens ao fazer suas compras na Wine. Vinhos e acessórios podem ser parcelados em até 6 vezes sem juros.
A Wine tem o menor prazo de entrega em seu segmento no país, que é de 48 horas para todas as capitais brasileiras e mais de 400 cidades.
Fonte: SEGS Portal Nacional http://www.segs.com.br/saude

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Holandeses estão na Serra para conhecer vinícolas gaúchas

Quatro jornalistas holandeses dos principais veículos impressos dos Países Baixos participam, de hoje (14) até quarta-feira (16), de um roteiro por seis vinícolas localizadas na serra gaúcha. As visitas técnicas são organizadas pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), por meio do projeto Wines From Brazil, com apoio da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), Embaixada do Brasil em Haia (Holanda) e TAM Linhas Aéreas. O roteiro contempla empresas exportadoras do Wines From Brazil, como Aurora, Casa Valduga, Courmayeur, Lidio Carraro, Miolo e Salton.

A vinda dos jornalistas holandeses foi acertada na degustação de vinhos realizada dia 1º de abril deste ano, em Haia, na residência do embaixador brasileiro nos Países Baixos, José Artur Denot Medeiros. “Foi lá que os jornalistas holandeses manifestaram o interesse em conhecer as vinícolas brasileiras”, lembra a gerente de Promoção Comercial do WFB, Andreia Gentilini Milan. Ela destaca que esta é a primeira parceria em um projeto imagem feita pelo Ibravin com a Embaixada brasileira na Holanda e a TAM para trazer jornalistas estrangeiros ao Brasil. “A TAM está com uma estratégia inteligente para atrair os holandeses ao Brasil, utilizando um novo atrativo, o roteiro enogastrômico”, comenta. “Com a exibição das vinícolas daqui nos principais jornais da Holanda, certamente muitos turistas se sentirão entusiasmados a virem ao Brasil”. Além das visitas nas vinícolas da serra gaúcha, eles também conhecerão alguns atrativos turísticos do Estado, como a Maria Fumaça, os Caminhos de Pedra e a região das Hortências.

Mercado holandês
Andreia ressalta que a Holanda é o 4º principal destino de vinhos e espumantes brasileiros – e o 3º para as vinícolas exportadoras pertencentes ao Projeto Setorial Wines From Brazil. A degustação na residência do embaixador brasileiro em Haia contou com a participação de oito vinícolas verde-amarelas – Aurora, Miolo, Salton, Casa Valduga, Lidio Carraro, Boscato, Garibaldi e Vinibrasil. “A Holanda possui características bem peculiares de consumo, é um país aberto a novos produtos”, observa Andreia. “Os consumidores gostam de vinhos modernos e frutados, como os brasileiros”, revela.


Exportação
O crescimento das vendas para a Holanda é animador. Em 2007, foram exportados 181,2 mil litros, que renderam US$ 365,8 mil, fixando o país como 5º maior importador dos vinhos brasileiros. Em 2008, os resultados foram ainda melhores. Foram 340,4 mil litros colocados no mercado holandês – um acréscimo de 88% e um degrau a mais no ranking de compradores do Brasil. Este volume gerou um faturamento de US$ 783,6 mil no ano passado, 114% superior a 2007.


Ao contrário dos outros setores de bebidas alcoólicas, o mercado de vinhos não é dominado por marcas. No total, há mais de 30 mil diferentes vinhos disponíveis. “O mercado de vinhos é o único das bebidas alcoólicas que está crescendo nos Países Baixos”, comemora a gerente de Promoção Comercial do WFB.

Fonte: IBRAVIN - www.ibravin.org.br

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Turistas participam de fabricação de vinho em enoteca lusa

Em setembro, na Enoteca Douro, no norte de Portugal, é época de colheita também para os turistas, que podem participar de parte da fabricação de vinhos, incluindo a tradicional pisada nas frutas. O programa custa 55 euros.

A Enoteca Douro, na Quinta da Avessada, teve que antecipar o seu programa de colheita porque o corte das uvas este ano começou mais cedo em função do tempo seco.

Luís Barros, o proprietário da enoteca, disse à Agência Lusa que este espaço é o "único" do Douro que oferece o programa de colheitas todos os dias.

Os turistas podem se munir de tesouras e baldes e, ao som da concertina (instrumento musical popular que teve a sua origem na Europa por volta de 1830, semelhante à sanfona), seguir para o meio dos vales para o corte das uvas.

O programa começa com um café da manhã. Contudo, depois dos trabalhos na vinha os turistas fazem uma refeição tradicional, feita em panelas de ferro.

Barros afirmou ainda que os programas de colheita começaram a ser vendidos em janeiro, mas com especial incidência para a segunda quinzena de setembro.

A antecipação das colheitas não deu tempo para ações de promoção, mas, mesmo assim disse que, entre domingo e terça-feira, recebeu três grupos de turistas.

O proprietário diz que a enoteca é a primeira interativa da Península Ibérica e mostra os processos e tradições da produção de vinho na mais antiga região demarcada do mundo.

Segundo ele, a enoteca possui 25 produtores-engarrafadores do Douro como parceiros e 220 produtos em exposição.

FONTE: Agencia Lusa

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

TRISTE NOTÍCIA PARA OS APRECIADORES DE VINHO

O mundo do vinho ficou triste hoje com o falecimento de Saul Galvão.

Segundo informou O Estado de São Paulo, Saul tinha 67 anos e sofria nos dois últimos anos de câncer vindo a falecer nesta quarta.

Tintos e Brancos era o nome de sua coluna no Estadão e também o nome de seu livro mais famoso na área dos vinhos, referência para amadores e profissionais.

Vinho ao seu Alcance presta homenagem a esse grande crítico de vinhos e da gastronomia: sante Messieur ! Grands vins dans le ciel !

Eduardo Tlach

VINHO AO SEU ALCANCE

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Viajando pela França, Chateauneuf du Pape , Avignon.